AVISO! Nem pense em comprar qualquer outro produto para tratamento de espinhas antes de ler isto...

Arquivo de outubro de 2013

Espinhas e acne nas costas

Postado por em 25/out/2013 - Sem Comentários

Espinhas e acne nas costas

A maioria das pessoas que reclama das espinhas é devido à aparição delas no rosto, mas esse problema não está restrito a essa parte do corpo. Outro local bastante atingido pela acne são as costas. O excesso de óleo causa obstrução dos folículos, que podem ser infectados por bactérias causando inflamação, o que acaba gerando as tão temidas espinhas.

Quem possui acne nas costas sofre com problemas que vão além da estética, como muitas vezes é a única reclamação daqueles que as tem no rosto. Com as lesões na parte de trás do corpo, algumas ações que são rotina ficam extremamente desconfortáveis, e em casos mais extremos, viram tortura medieval. Ao sentar em uma cadeira, por exemplo, o contato das costas com espinhas com o encosto faz com que haja dor e seja mais difícil se concentrar, seja em uma sala de aula ou no trabalho.

A pele das costas é mais grossa do que a do rosto, e, sendo assim, a aplicação de cremes que combatem a acne não tem efeito muito eficaz para removê-las, pois dificilmente penetram a superfície do corpo. Além disso, a dificuldade em alcançar as feridas é outro obstáculo para trata-las Mesmo assim, existem algumas maneiras de amenizar a frequência com que as espinhas aparecem nas costas.

Medidas simples poderão aliviar a sua situação. A acne nas costas pode ser resultado da cor e tecido das camisas que você veste. Os mais indicados são tecidos naturais, como de algodão, que deixa a pele respirar e não causa irritação ao ponto de causar feridas. Outro fator que aumenta a chance do aparecimento de espinhas é a cor da camisa, tons mais escuros prejudicam mais a pele, pois absorver calor, e impedem a entrada de ar.

Você não precisa conviver com esse problema! Quer saber como se livrar de vez das espinhas e da acne? Acesse http://semespinhaseacne.com e descubra como!

Se você gostou do post compartilhe-o no +1, Facebook e Twitter. Utilize os comentários abaixo para dúvidas, críticas ou elogios.

Por que lavar o rosto frequentemente aumenta a acne

Postado por em 18/out/2013 - Sem Comentários

Por que lavar o rosto frequentemente aumenta a acne

Existem muitos mitos que são criados diante de alguns assim populares. As espinhas e a acne estão nesse grupo, onde “tratamentos” ou formas de evitar esse problema são passados no “boca a boca” e acabam fazendo com que não se evite a acne de maneira certa. É muito importante conhecer as causas do aparecimento das espinhas para conseguir trata-las da maneira correta.

Provavelmente a maior “lenda” em relação à acne é a de que lavar o rosto frequentemente para acabar com a oleosidade fará com que a pele fique limpa e, assim, sem espinhas. No entanto, esta prática, se utilizada várias vezes durante o dia, terá o efeito contrário ao desejado, pois a pele utiliza uma camada de gordura para se defender do ar e bactérias. Quando há a ação da água eliminando a oleosidade a todo momento, ela acaba desprotegida, Com isso, as glândulas sebáceas são estimuladas a produzir mais gordura, o que gera ainda mais espinhas.

O ideal é que o rosto seja lavado no máximo três vezes ao dia, preferencialmente pela manhã, tarde e à noite. Ultrapassando este limite, a gordura natural da pele é eliminada, deixando-a desidrata e sem as defesas necessárias contra os malefícios que atingem nosso corpo, além de ter maior produção da oleosidade do corpo, o que é prejudicial para quem quer se livrar das espinhas.

Além disso, a utilização exagerada dos produtos químicos que secam as espinhas não é aconselhado. Se o produto é aplicado demasiadamente em uma ferida, a pele o absorve o que pode piorar a inflamação e causar irritação, pois estes secativos artificiais são ricos em ácidos.

Mas você não precisa conviver, ou se preocupar com as espinhas e a acne! Quer saber como se livrar desse problema de forma definitiva? Acesse http://semespinhaseacne.com e descubra como!

Se você gostou do post compartilhe-o no +1, Facebook e Twitter. Utilize os comentários abaixo para dúvidas, críticas ou elogio.

Como as emoções causam espinhas

Postado por em 11/out/2013 - Sem Comentários

Para os adolescentes, as espinhas são companheiras diárias. Isso ocorre devido aos hormônios que estão em ebulição e causam muitas mudanças no corpo dos jovens, resultando naquelas feridas desagradáveis de se ver e sentir. No entanto, muitas pessoas passam pela puberdade e adolescência e ainda assim, já na faixa etária dos 30 anos, ainda convivem com a acne. Isso ocorre devido as diferentes emoções que também causam mudanças no corpo da pessoa.

Grandes transformações que alteram significativamente nossas vidas causam também muitas alterações em nosso corpo. Níveis de estresse em demasia, por exemplo, se não forem administrados de forma apropriada, podem resultar no surgimento de espinhas e cravos. Por isso que algumas pessoas são mais propensas a possuir acne: seus sentimentos são mais fortes e, ao passar por momentos de agitação ou insegurança, que acabam gerando as espinhas.

As mulheres, durante a gravidez, por exemplo, podem ter acne por causa da tensão e ansiedade ou qualquer tipo de preocupação decorrente da chegada de um filho. Além, é claro, das mudanças hormonais, consequência da própria gravidez. Em relação as mudanças de humor, são elas o motivo da acne aparecer em momentos diferentes de sua vida, mas isso não ocorre sem motivo. Fases de tensão ou angústia são os motores que causam mudança em seu corpo e resultam nas espinhas que tanto atrapalham a vida de milhões de pessoas.

Mas você não precisa conviver ou se preocupar com esse problema. Quer saber como se livrar de vez das espinhas e da acne? Acesse http://semespinhaseacne.com e descubra como!

Se você gostou do post compartilhe-o no +1, Facebook e Twitter. Utilize os comentários abaixo para dúvidas, críticas ou elogios.

Como os cravos se tornam espinhas

Postado por em 04/out/2013 - Sem Comentários

Como os cravos se tornam espinhas

A espinha nasce muito antes de se tornar aquela desagradável ferida vermelha e feia no corpo, na maioria das vezes no rosto. A sua formação tem início quando nasce o cravo está presente, por vezes semanas ou até mesmo meses antes da espinha aparecer. Em geral, os cravos aparecem quando ocorre um aumento na gordura produzida nas glândulas da pele causando o entupimento dos poros devido a uma substância chamada queratina, que atrapalha a saída da gordura. Esse efeito por causa dos hormônios, mas também pode ocorrer devido à utilização de produtos de beleza para a pele.

A formação do cravo começa dentro do folículo sebáceo, estrutura dentro da pele onde também ficam os pelos e as glândulas sebáceas, produtoras da gordura que protege a pele, mas em excesso causam a acne. A abertura do folículo forma um poro na pele que, se estiver entupida, acumula gordura no local. Se o poro é largo, há maior contato da gordura com o ar, e há a oxidação que forma um pequeno ponto escuro na pele. Este é o cravo que não se torna espinha.

No entanto, às vezes o poro é estreito, o que faz com que não haja contato suficiente da gordura com o ar e não ocorra sua oxidação, sem se transformar no ponto preto. Com isso, há a proliferação de bactérias que se alimentam de gordura no local, e é neste cravo que se forma o ponto branco que atrapalha muito a estética do rosto. São nessas situações que os cravos se tornam espinhas.

Nesses casos, se a quantidade de bactérias presentes na espinha for muito grande, o corpo reage gerando uma inflamação no local. Quando isso acontece, o tecido em volta do local fica inchado e vermelho, criando uma saliência na ferida que dói ao ser manipulada. É isso que os dermatologistas chamam de pápula.

Quando a inflamação é muito forte, ocorre o acúmulo de pus que leva ao último estágio da espinha: a pústula. O pus forma uma bolha bem acima da superfície da pele, como um vulcão prestes a explodir. Nesses casos, apesar da enorme vontade de espremer a espinha, isso deve ser totalmente evitado, pois, além de piorar a infecção, é grande a chance que o resultado ser uma cicatriz terrível. Para que isso não ocorra, o deve-se esperar que o pus seque e a espinha desapareça naturalmente.

Quer saber como se livrar de vez das espinhas e da acne? Acesse http://semespinhaseacne.com e descubra como!

Se você gostou do post compartilhe-o no +1, Facebook e Twitter. Utilize os comentários abaixo para dúvidas, críticas ou elogios.